18 de ago de 2014

Que plataforma fazer seu aplicativo?
O mercado de smartphones está bem aquecido e muitos consumidores já utilizam os aparelhos como principal forma de acessar a internet. E, além de marcas e modelos de aparelhos, também existem muitas diferenças nos sistemas operacionais utilizados por cada um deles. 

9 de ago de 2014

Tutorial - Reconstruindo o Flappy Bird - Unity 3D

O Paulo do Canal (We make a game) fez uma serie de tutoriais recriando o Flappy Bird para o android. A serie tem 12 episódios, começa bem do básico a partir da criação das imagens utilizadas no game, passando por Script ate a criação do .apk para Android.

8 de ago de 2014

Lista de 31 livros totalmente gratuitos de design, publicidade e comunicação
Trago para vocês uma lista de 31 livros totalmente gratuitos, trazendo apenas o que interessa ao nosso trabalho, livros sobre design, publicidade e comunicação, todos em português e disponível para download. Tem leitura aí pra um ano todo. 
Boa leitura!



01. Como escrever para a web (Guillermo Franco)
02. Web 2.0: erros e acertos (Paulo Siqueira)
03. Para entender a internet (org. Juliano Spyer)
04. Redes sociais na internet (Raquel Recuero)
05. Informação e persuasão na web (org. Paulo Serra e João Canavilhas)
06. O marketing depois de amanhã (Ricardo Cavallini)
08. Grandes Marcas Grandes Negócios (José R. Martins)
09. Blogs.com: estudos sobre blogs (org. Raquel Recuero, Adriana Amaral e Sandra Montardo)
10. Semiótica: a lógica da comunicação (Antônio Fidalgo)
13. Comunicação multimídia (org. Maria Jospe Baldessar)
14. Design e ergonomia (Luis Carlos Paschoarelli)
15. Design e planejamento (Marizilda do Santos Menezes)
19. Marketing 1 to 1 (Peppers&RogersGroup)
24. Comunicação e marketing digitais (orgs. Marcello Chamusca e Márcia Carvalhal)
27. Design Thinking (Maurício Vianna, Yasmar, Isabel K. Adler, Brenda Lucena e Beatriz Russo)
28. Design Livre (Instituto Faber-Ludens)
29. Design, empresa, sociedade (Paula Landim)
30. Marketing de guerra (Al Ries e Jack Trout)

Super Bônus (+34 Livros)

29 de mai de 2014

Game designer: O futuro agora
Squaroon
Aquaman está prestes a passar por grandes desafios em sua vida. Em breve, ele será banido para uma ilha deserta onde terá de enfrentar, sozinho, os mais diversos vilões para provar seus superpoderes. O responsável pela desgraça de Aquaman será o Super-Homem, que ao voltar de mais uma bem sucedida missão contra aqueles que querem destruir a humanidade, vai encontrar seu amigo-herói, numa boa, num bate-papo desenfreado com um peixinho-dourado.

15 de mai de 2014

FIAP anuncia cursos de desenvolvimento de jogos e gestão de TI em São Paulo

Aos poucos, a área de desenvolvimento de jogos e TI vem ganhando destaque no Brasil. Nesta semana, a Fiap anunciou dois novos cursos de graduação na área: Tecnologia em Jogos Digitais e Gestão de TI, que estarão disponíveis já a partir do primeiro semestre de 2015.
Com duração de dois anos cada, os cursos visam atender a necessidade de capacitação e inserção de um número maior de profissionais nestes campos de atuação cada vez mais requisitados pelo mundo corporativo. "Nosso objetivo é oferecer conhecimento teórico e prático em novas tecnologias com excelência e inovação”, afirma Wagner Sanchez, diretor acadêmico da Fiap.

9 de abr de 2014

Controle de vídeo game que pode ler a sua mente e o que você ta sentindo....


Você acha que um controle de vídeo game que pode ler a sua mente e o que você ta sentindo?

A Universidade de Stanford, na Califórnia, Estados Unidos, divulgo nesta segunda-feira a criação de um controle de videogame capaz de medir a atividade cerebral e ajustar o que está acontecendo no jogo, de acordo com a frequência respiratória e batimento cardíaco do jogador. 

Enquanto isso, um software calcula a intensidade do game. Usando todas as informações coletadas, o controle calcula a atenção cerebral do jogador com o game e o ajusta de acordo com o resultado.

Criador pelo engenheiro elétrico Corey McCall, o aparelho é uma versão modificada do controle do Xbox 360. Ele possui um painel com sensores que medem a frequência cardíaca, fluxo sanguíneo e respiração. Além disso, acelerômetros são responsáveis por acompanhar os movimentos do controles feitos pelo jogador.

De acordo com seu criador, o controle pode ser usado para criar experiências mais imersivas, como aumentando ou diminuindo o número de inimigos de acordo com o que o jogador está sentindo. 

"Nós conseguimos medir se o jogador está entediado, por exemplo, e colocar mais zumbis na fase. Nós também podemos controlar o jogo para crianças. Se os pais estão preocupados com o tempo que a criança passa jogando, podemos desacelerar ele ou colocar um lembrete para fazer uma pausa", contou McCall.

8 de abr de 2014

'Wolfenstein' mostra vídeo da Copa de 1950 no Brasil em realidade nazista
O game de tiro em primeira pessoa "Wolfenstein: The New Order" ganhou um vídeo que mostra um pouco de como será o game e de sua história. Mas o que marcou mesmo o vídeo foi a parte da  Copa do Mundo de 1950 realizada no Brasil, a cultura nazista estava presente e o árbitro aplica sua punição ao jogador - a morte - dentro de campo. (será que tem alguma ligação a copa que acontecerá agora em 2014.  kkkkkk)
SteamOS o sistema operacional da Valve …
Um dia despretensioso para nós, meros mortais, que só ansiamos a chegada do final de semana. Para a Valve, um dia perfeito, porém, para deixar milhares de pessoas com a pulguinha atrás da orelha. Após lançar em seu site uma misteriosa contagem regressiva que seria revelada em três etapas e, é claro, entupir a internet de rumores, a companhia anuncia sua primeira novidade, o SteamOS.
steamos
O sistema deve ser lançado em breve e vai utilizar a arquitetura Linux – que, conforme declarações recentes de Gabe Newell, CEO da Valve, seria o sistema operacional “do futuro” -, e será totalmente gratuito, segundo a página de apresentação.
“Enquanto trabalhávamos em trazer o Steam para a sala de estar, chegamos a conclusão que o ambiente mais propício para entregar conteúdo aos nossos clientes seria um sistema operacional baseado no próprio Steam. SteamOS combina a arquitetura rígida de Linux com uma experiência lúdica montada para a tela grande. Disponível em breve, um sistema operacional gratuito e autônomo para computadores da sala de estar”, diz o anúncio.
Ainda de acordo com o site, os esforços agora se voltam ao aperfeiçoamento do sistema, para que ele otimize o processamento gráfico dos computadores caseiros. O mais interessante é que, ao desenvolver seu próprio sistema operacional, a Valve pode dar atenção especial aos problemas recorrentes nos jogos do Steam, como o caso da alta latência.
Segundo a publicação, por se tratar de uma plataforma de entretenimento colaborativo, o Steam quer, com o SteamOS, facilitar a criação de conteúdo e sua replicação em relação ao encontrado atualmente nos outros sistemas: ”Criadores de conteúdo podem se conectar diretamente com seus clientes. Usuários podem trocar ou alterar qualquer parte do software ou hardware que desejarem. Jogadores terão a capacidade de unir forças no desenvolvimento dos jogos que amam. SteamOS continuará evoluindo, porém sempre será um ambiente destinado a estimular estas formas de inovação”, consta na página.
O que permanece enevoado, no entanto, é como faremos para jogar os títulos já disponíveis para o serviço, mas que não têm versão para Linux. Uma novidade que pode sanar o problema é o novo serviço de streaming, que permitirá rodar, nos “computadores da sala de estar” equipados com o OS, qualquer jogo da biblioteca do usuário, tanto de Windows quanto de Mac, por meio de um link caseiro: você liga seu computador pessoal, coloca pra rodar e joga por streaming direto no PC conectado à TV da sala, independente do sistema operacional para que o jogo foi projetado. Como num serviço de games on demand, mas com servidores dentro da sua própria casa. A parte inconveniente, no entanto, está em precisar de dois computadores para que o esquema funcione.
A Valve também promete parcerias futuras com outros serviços de entretenimento para seu novo sistema operacional. Apesar de não ter confirmado nomes, a produtora garantiu que sistemas “para você poder acessar suas músicas favoritas e vídeos prediletos” estarão disponíveis em breve. Twitch.tv, talvez? Rdio? Spotify? Apenas palpites.
Há pouco tempo, a companhia anunciou o Steam Family Sharing, serviço que permite o compartilhamento da biblioteca pessoal do usuário com até 10 outras contas cadastradas. Com tantas novidades, o caminho da Valve para entrar no rol da nova geração de consoles parece estar sendo firmemente trilhado.
contagem
E não é só isso: conforme havíamos comentado, os anúncios prometidos para esta semana serão três, ao todo. Isso quer dizer que ainda temos pelo menos mais dois dias de tensão pela frente, uma vez que o bendito contador regressivo voltou a funcionar, marcando mais 48 horas.
Muito embora saibamos que é o desejo unânime da população mundial que pelo menos um dos três anúncios seja relacionado ao lançamento de Half-Life 3, o desenho do contador nos leva a crer que o próximo anúncio será algo que possa ser utilizado juntamente do SteamOS, e o final, a unificação dos dois. O que caberia no caso do Steam Box, se o anúncio de quarta-feira que vem for algum tipo de hardware, por exemplo. Mas, novamente, são apenas palpites pessoais. Para saber mais, só mesmo esperando as 48h.